04 setembro 2005

Lucho, expectativa elevada.

É das posições no campo que mais admiro. Os bons meio campistas necessitam de ter um pouco de tudo. Preparação física para o “box to box”, visão de jogo, passe, técnica, remate, cultura táctica e capacidade de recuperação. Tem de atacar e defender na mesma proporção. Podem não ter os momentos de genialidade dos artistas, mas não podem ser toscos como um “trinco”. São jogadores quase completos.
Lucho já demonstrou, a espaços, do que é capaz de fazer.
Tem uma qualidade e facilidade de passe que o tornam um jogador discreto, a bola chega e sai nunca fica com ela muito tempo.
Esteve bem nos dois jogos da liga, melhor mesmo assim no primeiro quem sabe pela companhia de Raul Meireles. É indiscutível, a sua evolução vai depender de motivos a que vou chamar adaptação porque qualidade tem, sem dúvida.
Parece-me um jogador com cabeça fria e disciplinado, característica comum nos dois argentinos, ao que parece.
Raul Meireles/Ibson, Diego e Lucho , o meio campo pode ser o sector mais forte com uma média de idades impressionante, 22, 21, 20 e 24 anos respectivamente.

1 Comments:

Anonymous Sá Pinto, Rei Leão said...

Pois... a avaliar pelo andar da carruagem, arrisca-se seriamente a ser mais um Fabuloso!
Jovem promessa, com provas dadas lá no país dele, com dificuldades de adaptação... ainda se arriscam a ouvir dizer «É um Lucho ter este gajo no banco!!».

1:01 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home